quinta-feira, 4 de outubro de 2018

Concurso Nacional de Leitura

Estão abertas as inscrições, a partir de hoje, para o Concurso Nacional de Leitura - 13.ª Edição. Neste concurso podem participar todos os alunos do 1.º, 2.º, 3.º Ciclos e Ensino Secundário. As inscrições poderão ser feitas junto dos professores titulares de turma, dos professores de português ou na biblioteca.

REGULAMENTO AQUI

segunda-feira, 1 de outubro de 2018

Mês Internacional da Biblioteca Escolar

Em outubro celebra-se o "Mês Internacional da Biblioteca Escolar" cuja tema é, este ano, “Eu biblioteca escolar”. Ao longo do mês, a biblioteca vai realizar algumas atividades no espaço das Bibliotecas do Agrupamento.


quinta-feira, 17 de maio de 2018

Escola Electrão

A Biblioteca do Agrupamento de Escolas D. Afonso III – Vinhais está a participar na iniciativa “Escola Electrão”, um projeto da Amb3E (Associação Portuguesa de Gestão de Resíduos, gestora da Rede Electrão).
A participação nesta iniciativa, por parte da escola, tem como principal objetivo a preservação do ambiente, a sensibilização para a reciclagem, mas ao mesmo tempo reunir a maior quantidade de equipamentos de modo a receber prémios para adquisição de material para as Bibliotecas do nosso Agrupamento.
Contamos com todos para levar a cabo este Projeto. Partilhem com amigos, familiares ou vizinhos. Juntos poderemos marcar a diferença. 


Participem! O ambiente agradece!




domingo, 13 de maio de 2018

25 de abril

Padlet - da Liberdade

No âmbito da Disciplina de História e Geografia do 2.º Ciclo, os alunos realizaram uma atividade sobre o 25 de abril, com a docente Ana Pousa. Apresentamos aqui um Padlet, resultado do trabalho desenvolvido.

terça-feira, 1 de maio de 2018

SEMANA DA LEITURA - ATIVIDADES

No âmbito da Semana da Leitura - 2018 - a biblioteca levou a cabo uma série de atividades que passa a divulgar.

Pelo 1º ciclo, as famílias foram os heróis da semana. A mãe do aluno Diogo Pires contou aos mais pequenos, juntamente com o filho e a filha, a história de Isabel Minhós Martins, "Coração de Mãe". A biblioteca transformou áudio e imagens num vídeo que apresenta de seguida.

Em cada uma das escolas, jardim-de-infância e EB1 do Agrupamento, foi realizada uma atividade de promoção da escrita. A cada grupo/turma foi entregue uma caixa mistério com cinco palavras. Solicitou-se de seguida que criassem uma história ao seu gosto, tendo obrigatoriamente que utilizar as cinco palavras dadas. O resultado: 16 histórias fruto da imaginação dos nossos pequenos escritores, a ler de seguida.




Finalmente apresentamos, num Padlet, uma atividade realizada na biblioteca e intitulada "postais para personagens especiais". Os alunos do 5.ºB, a pares ou individualmente, escreveram a um escritor ou personagem de um livro que os marcou.



Filosofia

Ao longo do ano, os alunos das turmas do 10.º A e B apresentaram a esta comunidade educativa os seus trabalhos no âmbito da disciplina de Filosofia, sobre filósofos portugueses.
Este projeto teve como principal objetivo chamar à atenção para a existência de filósofos portugueses e para “o poder da palavra em português” porque a filosofia não se define a partir do seu objeto, mas da linguagem em que os problemas são produzidos enquanto proposta de representação e reflexão. O discurso da filosofia não é apenas de filósofos estrangeiros mas é também de espaço nacional. O discurso filosófico é, antes do mais, um discurso profundo, seja em que língua for. O que está aqui em causa não é a exigência de uma questionável fundamentação dos enunciados por parte do discurso filosófico, mas a exigência de que, neste, seja possível identificar as condições segundo as quais um enunciado é suscetível de ser refutado, pensado e refletido, que as pessoas conquistem consciência e uma atitude ativa perante a vida.

Publicamos de seguida os trabalhos realizados pelos alunos e da responsabilidade da docente de filosofia Nancy Loureiro.



terça-feira, 24 de abril de 2018

25 de abril

A madrugada de Abril

E o barco da liberdade chegou ao porto naquela madrugada de abril. O tempo estava calmo. Ela desembarcou serenamente e aos poucos instalou-se em todo o porto.
A caminho vinha também a democracia. Todos esperavam por ela no porto silencioso. Não houve tumultos. Não houve correrias. Apenas os curiosos e os mais conservadores regiram a esse desembarque. Não troaram os canhões, não dispararam as armas. O povo estava pacífico.
           Pelas ruas que iam dar ao porto, distribuíram-se simbolicamente cravos em nome desse desembarque histórico. Os homens fardados distribuíam sorrisos e faziam gestos de vitória. Nas armas silenciosas, viam-se os cravos que alguém lá tinha posto em nome da liberdade.

Junto ao porto, à beira mar, muitos celebraram a chegada dos novos embaixadores. Os carros de combate simplesmente serviam de decoro na praça imensa. Não houve intimidações. Apenas abraços e vivas de vitória em nome de Portugal. Em nome dos portugueses livres finalmente.
Naquele dia de abril, ancorou a liberdade e a democracia no porto português.

                        Professor Luís Ferreira
(imagem

sábado, 14 de abril de 2018

Aprender com a Biblioteca Escolar

O presente trabalho, da responsabilidade dos alunos do 11.ºA, francês continuação, e da docente Madalena Rodrigues, foi realizado em parceria com a biblioteca escolar no âmbito do referencial “Aprender com a Biblioteca Escolar”.
A 1.ª parte consistiu na elaboração de um inquérito sobre a utilização dos média e do digital e posterior aplicação aos alunos da escola sede.
A 2.ª parte consiste na apresentação dos resultados do inquérito aplicado, na ferramenta Glogster(em francês) e em documento Word (Português).





Análise do Inquérito:
      Responderam a este inquérito 230 alunos com idades compreendidas entre os 10 e 18 anos de idade. 90% dos inquiridos afirmou ter acesso à internet em casa e 94,3% possuir telemóvel. Relativamente à utilização da internet, verifica-se que 67,8% dos inquiridos a utiliza todos os dias, 21,7% alguns dias por semana e apenas 10,4% aos fins de semana. Os alunos que mais horas passam na internet situam-se na faixa etária dos 13 aos 15, mas o número de alunos que utilizam a internet mais de duas horas por dia é de 41,7%. Esta utilização é feita maioritariamente nas redes sociais (33,5%), vídeos, música (33%), jogos (13,5%), pesquisa (10,9%), para estudo (7,8%) e apenas 1,3% para informação.
      No que diz respeito às redes sociais, 68,3% mentiu sobre a sua idade quando criou a sua primeira rede social. Apenas 8,3% dos inquiridos afirmou não possuir redes sociais. As redes mais utilizadas são Instagram (61,7%) e Facebook (25,2%). Destaca-se ainda o facto de 35,6% dos alunos referirem colocar fotografias nas redes sociais, 14,3% terem já sido insultados online e 9,6% terem por hábito falar com pessoas que não conhecem.
      Quanto à utilização dos média 60% dos inquiridos afirma que a internet é o melhor meio para aprender, , mas apenas 23% a consideram fiável. A televisão é considerada o meio mais fiável, 40%, mas apenas 22,2% a consideram importante para aprender. Os jornais e as revistas são considerados o 2.º meio mais fiável, mas apenas 16,5% os julgam relevantes para a aprendizagem. A rádio aparece sempre em último lugar das escolhas dos alunos.

quarta-feira, 11 de abril de 2018

Livros do mês


NUNO MATOS VALENTE
 BESTIÁRIO TRADICIONAL PORTUGUÊS

Esqueçam o Halloween, os Vampiros, os Trolls e o Pai Natal. Neste livro, só se fala de criaturas portuguesas. Quem são as Moiras Encantadas? Onde vivem? O que faz a Maria Gancha no fundo do poço e os Maruxinhos nas ruínas do castelo? Aquele som lá ao longe, na encruzilhada, será um Lobisomem ou um Tardo?
EXCERTO

“Quando uma criança se abeira do poço, a Maria Gancha lança-lhe os ganchos ao pescoço, arrastando-a consigo para o fundo.”
Relata-se ainda o seu procedimento perante o lançamento de uma pedra ao poço: “Ao ser incomodada pelo impacto da pedra, a Gancha desperta, trepa rapidamente pela corda do poço e lança-se à pessoa sem piedade.”







POESIA DE FERNANDO PESSOA PARA TODOS
Esta é uma primeira antologia da poesia de Fernando Pessoa que se pretende ao alcance de todos: crianças e adultos. Nela se reúnem não só os poucos e por vezes divertidos poemas que escreveu para crianças, mas também outros cuja leitura é acessível aos mais jovens.

EXCERTO
Do seu longínquo reino cor-de-rosa,

Voando pela noite silenciosa,
A fada das crianças vem, luzindo.
Papoulas a coroam, e, cobrindo
Seu corpo todo, a tornam misteriosa.

À criança que dorme chega leve,
E, pondo-lhe na fronte a mão de neve,
Os seus cabelos de ouro acaricia –
E sonhos lindos, como ninguém teve,
A sentir a criança principia.
(…)


quarta-feira, 21 de março de 2018

Semana da Leitura 2


Hoje, continuámos com as atividades.
Durante a manhã Fake News na BE, em português e inglês. Será que sabemos identificar se uma notícia, um site são fidedignos? Será que toda a informação que se encontra na internet é credível?
À tarde, mais leituras em família, no primeiro ciclo.
Deixamos aqui uma pequena amostra do dia de hoje.




terça-feira, 20 de março de 2018

Semana da Leitura

Iniciámos ontem a SEMANA DA LEITURA com atividades na Biblioteca e em sala de aula. Do filme "Alice no País das Maravilhas", passámos para "Postais para Personagens Especiais". Hoje, continuámos. Sob o tema 5 livros 5 filmes - esteve em cartaz "As Vantagens de Ser Invisível". Durante a tarde "Flash Mob da Leitura", com uma apresentação musicada de Camões e "Os Lusíadas".
Pelo 1.ºciclo, têm sido as famílias os heróis das histórias. Também estão a fazer história as caixas mistério em todas as salas, cujo conteúdos será revelado mais tarde.
Hoje, deixamos aqui um breve vídeo destas atividades.

Semana da Leitura


domingo, 11 de março de 2018

Afetos

No âmbito da Semana dos Afetos a BE dinamizou algumas atividades em todas as escolas do Pré-escolar e 1.º ciclo do Agrupamento. Foi feita a leitura de duas histórias: "Vamos Fazer Amigos?", "Quanto vale a amizade?". Em todas as escolas os alunos pintaram e escreveram mensagens de amizade, respeito e carinho, para construir um cordão de AFETOS. Finalmente, na EB1, decorámos as escadas com palavras para todos recordarem.


Semana dos Afetos


quinta-feira, 8 de março de 2018

Dia Internacional da Mulher

De modo a assinalar este dia, a biblioteca dedica este poema, da autoria de Graça Martins, a todas as MULHERES.



A Mulher…

Porque se celebra o Dia da Mulher?
Para chamar a atenção da sua dignidade
E mostrar que não é uma coisa qualquer.
Perceber o seu papel na sociedade,
Contestar e rever preconceitos
E limitações,
E fazer com que ela tenha todas as condições.
A mulher mãe
A mulher esposa
A mulher no mundo
Sabe afirmar-se
Como um ser completo e total
E exprimir os seus ideais.

Graça Martins

quarta-feira, 7 de março de 2018

Novidades na Biblioteca

Os livros que se seguem, oferecidos à BE, estão já disponíveis para requisição. A biblioteca agradece  desde já a oferta.












segunda-feira, 5 de março de 2018

Sugestões de Leitura

A biblioteca sugere para o mês de março:


O Peso da FamaTara Hyland

Apreciação Crítica
    Franny, personagem principal desta obra, vivia com os pais e a irmã numa quinta. Era uma jovem de beleza incomparável, simpática com todos, mas muito ingénua. Rapidamente se apaixonou pelo rapaz que trabalhava na quinta e lhe prometeu que a levaria onde ela quisesse para concretizar o seu sonho, ser atriz. Não tardou a abandoná-la e ao perceber que estava grávida, Fanny foge de casa para evitar o casamento que os pais queriam arranjar.
   Mas, para seguir o seu sonho, Fanny tem que tomar uma decisão: Ficar com a filha ou abandoná-la?
Adorei este livro, por descrever na perfeição as personagens e pela escrita envolvente. Tocou-me também por abordar uma doença hereditária que se caracteriza por uma combinação de alterações motoras, emocionais e cognitivas. A autora deixa para o final as revelações surpreendentes, permitindo ao leitor encaixar todas as pontas soltas da história e criar um cenário perfeito.
Um livro que aconselho vivamente!
Cristina Alves



O Segredo do Rio – Miguel Sousa Tavares

    Era uma vez um menino que morava numa casa no campo, junto de um ribeiro que adorava.
    Nas noites de Verão, antes de ir para a cama, o menino ia para a beira do ribeiro e sempre que passava uma estrela cadente, o rapaz pedia logo três desejos.
    Um dia ouviu um barulho muito estranho… Era um enorme peixe que saltava no ribeiro. O mais espantoso foi quando ouviu o peixe a falar. Então, começaram a ser amigos e guardaram segredo…
    Mas as coisas estavam prestes a mudar e o rapaz precisava de tomar uma decisão:
Dizer à carpa para fugir? Ou deixar os pais pescarem a sua amiga para poderem sobreviver?
Que decisão terá tomado?



sexta-feira, 2 de março de 2018

Atividades na BE

A Biblioteca divulga duas atividades a iniciar na próxima 6.ª feira, dia 9 de março.
 
 


domingo, 25 de fevereiro de 2018

Concurso Nacional de Leitura

A Biblioteca dá os PARABÉNS a todos os alunos que participaram na 1.ª fase do Concurso Nacional de Leitura. Os alunos apurados para a fase seguinte - Provas nas Comunidades Intermunicipais/Áreas Metropolitanas, a decorrer entre 1 e 31 de maio - são:
1.º Ciclo - Iara Gomes Garcia;
2.º Ciclo -  Luís Magno Fontes
3.º Ciclo - Helena Pereira
Secundário - Jorge Ventura Manuel






domingo, 11 de fevereiro de 2018

Semana dos Afetos no Agrupamento

No sentido de assinalar os AFETOS, a Biblioteca divulga duas atividades realizadas. 

A primeira: uma exposição sobre ATRAÇÃO SEXUAL, um trabalho realizado pelos alunos do 7.ºB com a docente Adelaide Barata. 



A segunda: um Padlet sobre figuras míticas da Literatura Universal. Seleção de algumas obras, de autores portugueses e estrangeiros, cujo tema é o AMOR.


Os livros sempre foram grandes portadores de mensagens aos apaixonados, tanto pelas suas histórias literárias e poéticas quanto pelos amores e desamores que contam.









quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Livros do mês de fevereiro

As bibliotecas do Agrupamento sugerem mais dois títulos para leitura.


Quanto Vale a Amizade?
Kantu ki Amizadi Bale?
O João e a Maria convidam-nos a refletir sobre a importância de se valorizar aquilo que se tem e realçam os valores da amizade e da cumplicidade como modo de estar na vida. A narrativa assenta numa estrutura ritmada, convidando à leitura em voz alta. A ilustração capta e expande a ideia patente no texto, criando um universo, no qual o pequeno leitor é chamado a participar.
Um livro bilingue que vais encontrar na BE em português e traduzido em mais quatro línguas – Ucraniano, Mandarim, Crioulo Cabo-Verdiano e Romeno.




Todos os dias, Rachel apanha o comboio...
No caminho para o trabalho, ela observa sempre as mesmas casas durante a sua viagem. Numa das casas ela observa sempre o mesmo casal, ao qual ela atribui nomes e vidas imaginárias. Aos olhos de Rachel, o casal tem uma vida perfeita, quase igual à que ela perdeu recentemente.
Até que um dia...

Rachel assiste a algo errado com o casal... É uma imagem rápida, mas suficiente para a deixar perturbada. Não querendo guardar segredo do que viu, Rachel fala com a polícia. A partir daqui, ela torna-se parte integrante de uma sucessão vertiginosa de acontecimentos, afetando as vidas de todos os envolvidos.

Excerto:
“Caro Scott
Chamo-me Rachel Watson, e nunca nos conhecemos. Gostaria no entanto de falar consigo sobre a sua mulher. Não tenho qualquer informação sobre o paradeiro dela, não sei o que lhe aconteceu, mas creio que esteja na posse de informações que poderão ajudá-lo…”

domingo, 28 de janeiro de 2018

quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

Passatempo Dia da Internet Mais Segura 2018!

Ganha uma câmara desportiva ou um tablet e mais uma estadia numa Pousada de Juventude!
Participa no passatempo Dia da Internet Mais Segura 2018!
Para comemorar o dia da Internet Mais Segura o Centro Internet Segura convida-te a criar uma fotografia junto do cartaz da Linha Internet Segura “Aceita o Desafio!”.
Procura o cartaz na tua escola ou numa Loja PontoJA perto de ti!
Dá asas à tua criatividade! Queremos fotos originais, composições divertidas, que mereçam muitos likes. Podes utilizar montagens, aplicar os filtros de que mais gostas ou até criar distorções gráficas, desde que respeites as normas do passatempo.
Deves ter entre 13 e 30 anos e antes de fazer e enviar a tua foto lê atentamente o Regulamento do passatempo para que a tua participação seja considerada válida!



REGULAMENTO DO CONCURSO

sexta-feira, 5 de janeiro de 2018

Dia de Reis - 6 de janeiro

E, finalmente, os Reis Magos chegaram a Belém.
Deixamos aqui um poema de Olac Bilac alusivo a esta quadra, bem como fotos do presépio, exposto na Biblioteca da Escola Sede e realizado pela docente Ana Paula Ortega.






OS REIS MAGOS  

 
Diz a Sagrada Escritura
Que, quando Jesus nasceu,
No céu, fulgurante e pura,
Uma estrela apareceu.
 
Estrela nova... Brilhava
Mais do que as outras; porém
Caminhava, caminhava
Para os lados de Belém.

Avistando-a, os três Reis Magos
Disseram: “Nasceu Jesus!”
Olharam-na com afagos,
Seguiram a sua luz.

E foram andando, andando,
Dia e noite a caminhar;
Viam a estrela brilhando,
Sempre o caminho a indicar.

Ora, dos três caminhantes,
Dois eram brancos: o sol
Não lhes tisnara os semblantes
Tão claros como o arrebol

Era o terceiro somente
Escuro de fazer dó...
Os outros iam na frente;
Ele ia afastado e só.

Nascera assim negro, e tinha
A cor da noite na tez:
Por isso tão triste vinha...
Era o mais feio dos três!

Andaram. E, um belo dia,
Da jornada o fim chegou;
E, sobre uma estrebaria,
A estrela errante parou.

E os Magos viram que, ao fundo
Do presépio, vendo-os vir,
O Salvador deste mundo
Estava, lindo, a sorrir

Ajoelharam-se, rezaram
Humildes, postos no chão;
E ao Deus-Menino beijaram
A alava e pequenina mão.

E Jesus os contemplava
A todos com o mesmo amor,
Porque, olhando-os, não olhava
A diferença da cor...

Poesias infantis, Olavo Bilac

 

Olavo Brás Martins dos Guimarães Bilac (RJ 1865 — RJ 1918) Príncipe dos Poetas Brasileiros – Jornalista, cronista, poeta parnasiano, contista, conferencista, autor de livros didáticos. Escreveu também tanto na época do império como nos primeiros anos da República, textos humorísticos, satíricos que em muito já representavam a visão irreverente do mundo. 

Livros do Mês

O Livro que Voa

“Há imensos livros nas bibliotecas, nas livrarias, nas casas e até nos quartos das crianças. Quando os abrimos, é como se abríssemos uma ampla janela. Não uma janela verdadeira, mas uma janela imaginária que nos faz sonhar. Esses livros estão abrigados, bem aconchegados. “
Mas o livro desta história, é um livro com pouca sorte que, tocado pelo vento, cai da pasta da Mariana. Mergulhado no chão e encharcado pela chuva, é levado por uma pega que tinha ficado maravilhada com o seu brilho…
 Autor e Ilustradora: Pierre Laury e Rébecca Dautremer

O grande clássico da literatura norte-americana.
Extraordinariamente rico, Gatsby é famoso pelas festas realizadas na sua mansão em Long Island, apesar de ninguém saber ao certo quem é o anfitrião. Uns dizem que foi espião, outros que é aparentado com uma família real europeia. Mas, na realidade, só mantém estas festas na esperança de que Daisy, o seu antigo amor, vá a uma delas.
Um retrato da América durante os turbulentos anos 20 do século XX e uma sátira ao «Sonho Americano», onde Fitzgerald idolatra os ricos da época apesar de não se conformar com uma certa decadência causada pelo materialismo desmedido e pela imoralidade.
F. Scott Fitzgerald nasceu a 24 de Setembro de 1896. Em 1917, abandonou a Universidade para se alistar no Exército. Desmobilizado em 1919, vai para Nova Iorque decidido a iniciar uma carreira como escritor. Em 1921, consegue, finalmente, realizar o seu sonho quando alcança o sucesso financeiro decorrente da publicação de Este Lado do Paraíso. Muda-se para Long Island, onde inicia o seu romance mais significativo, O Grande Gatsby. Falece em 1940, vítima de ataque cardíaco, sem nunca ter chegado a concluir O Último Magnata.
(Fonte: Publicações Europa-América)F. Scott Fitzgerald nasceu a 24 de Setembro de 1896. Em 1917, abandonou a Universidade para se alistar no Exército. Desmobilizado em 1919, vai para Nova Iorque decidido a iniciar uma carreira como escritor. Em 1921, consegue, finalmente, realizar o seu sonho quando alcança o sucesso financeiro decorrente da publicação de Este Lado do Paraíso. Muda-se para Long Island, onde inicia o seu romance mais significativo, O Grande Gatsby. Falece em 1940, vítima de ataque cardíaco, sem nunca ter chegado a concluir O Último Magnata.
(Fonte: Publicações Europa-América)